Você está aqui: Página Inicial > home > Notícias > Nota da Codesp: Incêndio no Terminal Localfrio

Nota da Codesp: Incêndio no Terminal Localfrio

Publicada em 14.1.2016
por Assessoria de Comunicação Social última modificação: 15/01/2016 15h44

NOTA DA CODESP

 

Incêndio no Terminal Localfrio


De acordo com informações da assessoria de imprensa da Localfrio,  o incêndio que ocorre até este momento (17h40) no terminal da empresa, situado no município de Guarujá, margem esquerda do Porto de Santos, iniciou-se a partir de reação química da água da chuva com produto denominado ácido dicloroisocianúrico que entrou em combustão, propagando-se e atingindo outros contêineres. Até o momento não se tem a quantidade de contêineres atingidos.

A Guarda Portuária da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), que administra o Porto de Santos, detectou o incêndio por volta das 15h15, a partir de monitoramento realizado por sistema de câmeras. Imediatamente acionou sua brigada de incêndio para apoiar as operações de combate ao sinistro. Também participam do combate o Plano de Ação Mútua do Guarujá, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Cetesb.

As manobras de entrada e saída de navios para o terminal de contêineres da Santos Brasil, no Porto de Santos, foram suspensas pela Capitania dos Portos de São Paulo, no final desta tarde, por medida preventiva, até que a situação se normalize. Os demais terminais do Porto de Santos operam normalmente. O terminal para Contêineres da Santos Brasil, localizado ao lado da Localfrio, por medida preventiva, também paralisou suas operações nesta tarde.

O terminal da Localfrio opera com cargas frigorificadas. Trata-se de um terminal localizado na área do Porto, mas sem interface marítima. As instalações não abrangem área de cais. As cargas operadas com navios ocorrem, principalmente, através do Terminal de Contêineres da Santos Brasil.

 

Assessoria de Comunicação Social
Companhia Docas do Estado de São Paulo
Porto de Santos
Tel.: (13) 3202-6565 ramal 2753